18 de agosto de 2011


Se você espera de mim um posicionamento
já lhe adianto que não tenho espaço-tempo;
no meu estar bateu um vento
que me entortou até a rima.

E resultei assim:
meu pêndulo de sim-ou-não
é impreciso e arrítmico.
Minha decisão não tem órbita ou atmosfera...
ela paira, enquanto venera
esse transcorrer
que independe
do querer.
.

2 bedelhos:

Rita Loureiro disse...

FODA FODA FODA
me ensina a escrever guria?
deus meu, você amadureceu muito, mas é MUITO mesmo. (Vibrando)
Linda. AAAin quero te abraçar e levantar do chão por esse e pelos outros poemas também...que riqueza.

Mel Andrade disse...

Vou dar um nó no seu juízo pra brincar de balanço na sua poesia.
(bungee jump nos cachinhos tb tô aceitando!)
Vc escreve muito lindo, manolowski.

 

Copyright 2010 Verbo Intransigente.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.