21 de abril de 2011


Gota em face de poeta escorre pra cima:
chovem insensatezes do caderno aberto...
se escorre pra baixo, é pra confessar:
gota salgada no canto da página é poesia contida.
.

0 bedelhos:

 

Copyright 2010 Verbo Intransigente.

Theme by WordpressCenter.com.
Blogger Template by Beta Templates.